“Sou apaixonada por pessoas e tecnologia” conta Vanessa Matos, consultora em governança de TI

Desde os 14 anos, eu lembro que já gostava de tecnologia, da mística que rondava a área. Aos 15, eu pedi um computador que naquela época custava caro, mas foi esse interesse que me levou para a faculdade de Gestão da Informação pela Universidade Federal do Paraná. Depois fiz especialização em gestão de TI e MBA em Desenvolvimento Humano de Gestores.

A entrada no mercado de trabalho não foi fácil. Com certeza, o maior desafio era o fato de ser mulher em um ambiente muito masculino. Outro desafio foi atuar diversas vezes em áreas novas em atividades ainda não desbravadas e sair do técnico/operacional para assumir a gestão de pessoas.

Eu fui gestora muito cedo e sempre tive carinha de nova. Então, muitas vezes, os fornecedores (homens) viam apresentar os produtos e não falavam olhando para mim. Isso fez com que eu colocasse meu ponto de vista, estudasse mais pra mostrar que o mundo é pra todos.

Eu sempre fui uma defensora do mundo feminino. Já tive muitas situações desagradáveis, mas aprendi a não levar pra casa. Gosto de resolver logo e mostrar que somos iguais.

Para mim, a palavra que define a carreira em tecnologia é Transformação. É uma área dinâmica, sempre com novidades. Por isso, é bom ficar atento, não dá para dormir no ponto. Se você não se atualiza, não tem network, bons fornecedores, você e a organização que você trabalha fica para trás. A carreira de tecnologia é uma escolha para a vida. É como vida de médico.

Infelizmente, nós, mulheres, ainda somos uma parcela pequena na tecnologia. Temos ainda muito a conquistar. Para as meninas que querem ingressar nessa área, aconselho: não tenham medo. Somos 50% da população e outra metade nasceu de uma mulher. É uma questão de tempo para conquistarmos o mundo. Este século será o século da mulher!

E tem também um segredo fundamental: é o equilíbrio. Eu sempre consegui conciliar a vida executiva e acadêmica e ainda tenho dois filhos incríveis e um casamento muito feliz. Mas estou sempre pronta para desafios.Por isso mesmo, adoro um curso aleatório. Acho que isso ajuda muito a ver o mundo de outras maneiras e aguça a criatividade.

Eu já fiz curso de pizzaiolo, bartender, biscuit, tricô, dubladora, marketing digital e árbitro de futebol americano. Também sou voluntária na Associação de Ginástica do Paraná, no Coritiba Crodoliles Futebol Americano, no ISACA-SP e na Pastoral da Comunicação da arquidiocese de Curitiba. E mesmo que eu não saiba nada sobre um assunto, vou encontrar alguém que saiba. Sou boa em resolver problemas de forma rápida e simples (#Quickly and Simply!)

Para saber mais sobre a Vanessa Matos, veja seu LinkedIn:

https://www.linkedin.com/in/vanessa-matos-9b402915