Faça o que você ama e o que te faz ser melhor a cada dia, não o que paga mais! Conheça Karen Rodrigues, SAP IT Supervisor da Coca-Cola Andina, educadora e apaixonada pela tecnologia.

Imagina apertar um único botão que substitui toda uma engenharia com fórmulas e macros de planilhas no Excel? Foi isso que aguçou a vontade de Karen Rodrigues de entender como funciona o sistema por trás de processos de automação.

Veja o que relata Karen sobre a sua trajetória profissional!

“Sempre tive dúvida sobre o caminho que eu queria seguir na minha vida profissional, então na hora de escolher a faculdade, optei pelo curso mais abrangente. Me formei em administração de empresas porque senti que ainda teria pelo caminho algumas chances de me descobrir, de identificar minhas aptidões.

A transição para a carreira técnica, em sistemas, aconteceu por acaso, com uma oportunidade de colocar em prática meus conhecimentos de negócio para construir soluções práticas que trouxessem benefícios reais e palpáveis para as empresas. Saber como as coisas funcionam por trás das interfaces e ser uma agente de inovação é o combustível que me faz continuar, além de ter o privilégio de ser uma educadora e poder compartilhar meus conhecimentos e experiências.

Sempre trabalhei rodeada de homens. Mesmo quando meu foco eram os negócios, a presença masculina era predominante. Vejo que agora essa é uma das áreas que as mulheres têm conquistado cada vez mais espaço. Esse pensamento de que quem trabalha com tecnologia é homem está defasado, e isso reflete na quantidade de mulheres líderes que eu tenho visto na empresa que trabalho e no mercado como um todo.

Apesar desse crescimento da presença da mulher na liderança das empresas de tecnologia, sinto que uma barreira que ainda enfrentamos é que quando conseguimos uma posição mais alta, nosso background é questionado. O quanto você estudou, o quanto você batalhou para chegar até ali, não é percebido. As pessoas ainda acham que se você é mulher, subiu porque é bonita, não porque você é inteligente e trabalhou para conquistar aquilo.

Ainda assim, a carreira em tecnologia oferece muitos benefícios. Para mim, um deles é a oportunidade de conhecer novos lugares. Nos últimos anos, morei em sete cidades diferentes pelo Brasil e tive a oportunidade de imergir nas culturas locais. Cultivo até hoje amigos e experiências que me enriqueceram como pessoa e como profissional. Acredito que a diversidade é essencial para o futuro dos negócios e da tecnologia. Com motivação, paixão, atualização constante e paciência, essa carreira pode nos levar muito longe!”